sexta-feira, 22 de agosto de 2014

ROUBO NA PREFEITURA DE BARRO PRETO


jaqueline

A prefeita de Barro Preto, Jaqueline Motta, foi punida pelos conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios, nesta quinta-feira (21/08), pela contratação irregular do Instituto Municipal de Administração Pública – IMAP por R$ 14.284,84 no ano de 2013.

O relator do processo, conselheiro Fernando Vita, multou à gestora em R$ 2 mil, determinou a interrupção do contrato e solicitou a adoção de medidas eficazes para um melhor funcionamento da controladoria municipal.

Flagrado cobrando propina ao PSD, ex-chefe do TRE-BA é exonerado

Suspeito de cobrar propina para facilitar a aprovação de contas do Partido Social Democrático (PSD), em outubro de 2013, o ex-chefe de seção do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), Joseph Rodrigues dos Santos, foi exonerado e banido do serviço público federal pelo período de cinco anos. A decisão foi publicada na edição do Diário de Justiça Eletrônico (DJE) desta quinta-feira (21). 

A exoneração do servidor foi viabilizada por meio de decisão do presidente do TRE-BA, Lourival Almeida Trindade. O ex-chefe de seção estava afastado do órgão desde o início das apurações das denúncias, que foram feitas pelo PSD. Na época, integrantes do partido contaram que o ex-chefe de seção teria pedido R$ 70 mil para aprovar contas da legenda. Imagens da negociações foram gravadas em vídeo pelo partido. (Globo)

JESUS CRISTO MUDOU MEU VIVER


ESPÍRITO DA MORTE RODEIA POLICIAIS DA CIPE CACAUEIRA EM ILHÉUS
Por: Ednei Bomfim.


O QUE ACONTECE APÓS A MORTE?


Lucas 16:19-31 
Nesses últimos dias, o mundo inteiro tem se voltado para essa questão da morte, buscando resposta para uma das mais desafiadoras perguntas da humanidade: Existe vida após a morte? O que acontece depois da morte? Para os materialistas, o homem é só matéria, então após a morte não acontece mais nada. Para os ateus, que não acreditam na existência de um Deus que criou todas as coisas, a morte é o fim da existência, o fim da linha. Para as religiões, a morte é o ponto doutrinário de maior divergência. E para você, o que significa a morte? Como você vê a morte? O que você acha que acontece depois da morte? No cristianismo, a morte é um desafio de fé e confiança em Deus. Jesus nos contou a “Parábola do Rico e Lázaro” para nos ensinar sobre esse tema.
I – APÓS A MORTE SOMOS JULGADOS – V.23-25 
Muitos levam a vida achando que nunca vão se apresentar diante de um Deus que é Justo Juiz e ainda que escapem da justiça humana, não escapará da justiça divina. Foi o que aconteceu com o “Rico” da Parábola contada por Jesus que enfrentou um julgamento que lhe trouxe condenação eterna e definitiva. 
Em Hebreus 9:27-28 a Bíblia nos fala claramente que “morreremos uma única vez” e “após a morte, segue-se o juízo”! Não podemos acreditar na mentira de que morreremos tantas vezes quantas forem necessárias para a nossa purificação e aperfeiçoamento. Jesus, o Cristo, só se ofereceu uma única vez para nos perdoar e nos salvar. Receba-O e você será salvo e se livrará do julgamento final e conseqüente condenação, visto que todos nós somos pecadores (João 5:24; Romanos 6:23)!

II- APÓS A MORTE SOMOS SEPARADOS – V.26 
Jesus nos ensinou que após a morte, é colocado um grande abismo que separa os salvos dos condenados e que não haverá mais volta e ninguém mais poderá mudar de lugar. Portanto, a morte define onde cada pessoa viverá a sua eternidade. Mas tem muitos acreditando que mesmo depois da morte, ainda que enfrentem algum “sofrimento purificador”, acabará indo para “um lugar melhor” e que Deus dará sempre um “jeitinho brasileiro” para quem não quis acreditar ou se preocupar com a questão da morte. Deus nos ama tanto que não deseja ver ninguém sendo condenado ou enganado por doutrinas humanas e por isso hoje Ele está te alertando e te chamando para tomar a decisão mais importante da sua vida: Entregar a sua vida a Jesus! Só Jesus pode nos separar para Ele (Mateus 25:31-32 e 46)!
III- APÓS A MORTE SOMOS CONSCIENTIZADOS – V.27-30 
As pessoas que passam por alguma experiência de grande perigo de morte, geralmente mudam a sua concepção de vida e passam a encarar a morte com seriedade, respeito e grande temor. Elas são conscientizadas da sua finitude e fragilidade humana. O “Rico” da Parábola contada por Jesus vivia completamente desligado da realidade da morte e quando foi surpreendido por ela, aí é que foi conscientizado de que o seu entendimento acerca da morte estava errado, mas lamentavelmente não dava mais para mudar. Ele até tentou ajudar a seus irmãos para livrá-los daquela “lugar de tormento”, mas não tinha mais jeito. Por isso é que Jesus veio ao mundo, para nos livrar da morte eterna (João 3:16). Receba-O agora como seu Senhor e Salvador!
CONCLUSÃO: Só quem tem condições de nos responder sobre o que acontece depois da morte é quem já morreu e voltou para nos dizer e o único que fez isso foi Jesus. E para os que estão em Cristo, após a morte segue-se a Salvação, a vida eterna com Deus! O que você está esperando para resolver essa questão tão séria na sua vida? Decida agora mesmo por Jesus!



Ap. Wagner Tenório de Almeida


Primeiro foi o soldado Aloísio Andrade, assassinado a tiros na Avennida Lomanto Júnior, no Pontal,depois foi o soldado Gilson Oliveira Santos, que quase foi assassinado a tiro no Jardim Savoia, em Ilhéus. Agora, o soldado Melgaço, que foi vitima de uma parada cardiaca. 

É necessário muita oração pelas vidas destes guerreiros. 

CORAÇÃO MATOU SOLDADO DA CIPE CACAUEIRA EM ILHÉUS

O Soldado Roberto Melgaço Junior, 43 anos, morreu na manhã desta sexta-feira (22) após sofrer uma para cardíaca quando jogava bola na cidade de Ilhéus. O PM era lotado na Cipe Cacaueira. Sd Melgaço deixa esposa. O corpo segue no hospital e ainda não foi divulgado local e horário do velório.

BANDIDO BALEADO NA MANGABINHA MORREU NO BASE

Jonathan de Jesus Silva (foto), 18 anos, baleado ontem (21) à noite no Alto da Lua, no Mangabinha, morreu por volta das 5 horas da manhã desta sexta feira (22) no Hospital de Base. Jonathan tem uma tatuagem de palhaço na perna esquerda. Ele e mais três assaltantes, moradores do bairro Jorge Amado, tentaram tomar a moto do policial, conhecido como Betão, que reagiu, baleando Jonathan, no peito. O policial estava se preparando para guardar o veículo na garagem quando quatro bandidos, que estavam em um gol JLM-4422, branco, modelo bola, o abordaram. O carro foi apreendido e está no pátio do Complexo Policial e a moto foi recuperada no local conhecido como Volta da Cobra. Lucas da Silva e Thiago Evangelista, foram presos e Erisvaldo de Jesus Santos (Chumbo), conseguiu fugir.
A policia prendeu um ladrão ousado. Manuel Messias de Jesus, foi acusado de roubar uma motocicleta que estava no pátio da delegacia da cidade de Quinjique. Com  várias entradas na policia, o elemento tem uma ficha imensa de assaltos, roubos, inclusive aplicando na própria família, no distrito de Algodões. Cabeção, como é conhecido, já tirou cadeia em Euclides da Cunha  saiu a cerca de dois meses, mas agora está de volta a sua habitar natural.

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

AQUÍ E ALÍ, SEMPRE PRESENTE: O REPÓRTER EDNEI BOMFIM





AUTO MOTO ESCOLA REGIONAL

MIX CAR VEÍCULOS -ITABUNA BAHIA

Por: Celso Fernandes





LOC KAR ITABUNA-BAHIA LOCADORA DE VEÍCULOS
Por: Celso Fernandes.


 

JESUS CRISTO MUDOU MEU VIVER

Jesus Anda Sobre o Mar - Pedro Anda Sobre o Mar

Amplamente conhecida a história em que Jesus e Pedro andaram sobre as àguas do Mar da Galiléia e do temor que os discípulos tiveram ao contemplar Jesus caminhando sobre as àguas. Este acontecimento se dá após Jesus ter alimentado uma grande multidão, com a multiplicação de cinco pães e dois peixinhos.
Diante de tantos milagres presenciados, a multidão queria arrebatá-lo para o fazer Rei de Israel.
Jesus sabia que aquilo seria um movimento catastrófico. Eles seriam presas fáceis para os soldados romanos. O mestre se compadecia e valorizava a vida daqueles homens, mulheres e crianças. Além disso, o mestre deixava claro que o seu reino não era deste mundo.

Jesus Anda Sobre o Mar

Jesus, vendo a intenção de fazê-lo rei, se apressa em desfazer aquele movimento (que poderia se transformar em uma revolta) e a enviar seus discípulos para, o outro lado do lago,Betsaida. Após isso, Jesus então retira-se para o monte das bem-aventuranças, onde permanece sozinho.
"E logo obrigou os seus discípulos a subir para o barco, e passar adiante, para o outro lado, a Betsaida, enquanto ele despedia a multidão." Marcos 6:45
Entendemos no texto de João 6:22, que os discípulos seguindo as ordens de Jesus, partiram de Tiberíades, deixando um barco para o mestre, na esperança de que ele os alcançasse mais a frente.
E fez-se noite, escureceu, caiu a madrugada. Por mais que esperassem, não avistavam o barco do mestre se aproximando. Já tinham navegado vinte e cinco ou trinta estádios (cerca de 5,5km de distância da costa).
O vento começa a soprar forte, as ondas se elevam. Os discípulos, como pescadores experientes, estavam acostumados às intempéries, porém a força do vento e o mar ameaçavam afundar o barquinho que navegavam.
Na quarta vigília (entre 3h e 6h da madrugada), no pior momento, vem Jesus caminhando sobre as àguas. Eles se apavoram com aquela visão. Tinha jeito de ser Jesus, parecia coisa de Jesus, era algo que só Jesus podia fazer, mas eles não o reconhecem: É um fantasma!
pedro e jesus andam sobre o marJesus Anda Sobre o Mar - Pedro Anda Sobre o Mar.
De modo que não esperavam o mestre caminhando sobre o mar. Eles haviam deixado um barco para o Senhor. Estavam na expectativa de avistar Jesus no barco que deixaram pra ele. Esperavam que ele os alcançasse dentro dos preceitos, formato e meios humanos. Mas o Mestre veio de uma forma própria de Deus.
Isso acontece com a religião, que muitas vezes tenta ajudar a Deus. E dão um formato a ele. Estabelecem a forma como ele tem que agir. O vestem com um tipo cultural. Traçam dele um esteriótipo. Calculam até "um modus operandi", de forma a não reconhecê-lo.
"E os discípulos, vendo-o andando sobre o mar, assustaram-se, dizendo: É um fantasma. E gritaram com medo." Mateus 14:26

Pedro Anda Sobre o Mar

O barco em que estavam os discípulos, representava os recursos materiais desta vida. Pedro porém desce do barco para andar sobre o mar. Ou seja, ele deixa os recursos humanos e materiais, e passa a confiar somente na palavra de Jesus, que o chamou a caminhar também sobre as águas.
"E ele disse: Vem. E Pedro, descendo do barco, andou sobre as águas para ir ter com Jesus." Mateus 14:29-30.
Entretanto, no meio do caminho, Pedro deixa de dar a sua atenção à Jesus e passa a se preocupar com o vento (que soprava forte) e com as altas ondas do mar. Pedro então enche-se de medo e começa a afundar. Ainda assim, ele clama por Jesus que prontamente o socorre.
"Mas, sentindo o vento forte, teve medo; e, começando a ir para o fundo, clamou, dizendo: Senhor, salva-me! E logo Jesus, estendendo a mão, segurou-o, e disse-lhe: Homem de pouca fé, por que duvidaste?" Mateus 14:30-31.
pedro anda sobre o mar - jesus anda sobre o marJesus Socorrendo Pedro no Mar. Ilustração
E é assim mesmo que acontece. Temos que deixar de confiar nos recursos materiais e passar a confiar na palavra de Jesus. Ele mesmo nos convida a passear sobre um mar de tempestades, um mar de problemas que tentam nos atingir.
Há uma tendência natural de buscarmos proteção em recursos materiais que conhecemos. Muitas vezes ficamos presos à materialidade. Temos medo de nos arriscarmos no mundo da fé. É difícil vencer a dúvida.
Os discípulos preferiram a sensação de segurança que o barco deles trazia, não puderam experimentar do poder de Jesus. Pedro porém, por um momento, conseguiu desprender-se do seu instinto natural de sobrevivência. Pedro teve a percepção espiritual de que era muito mais seguro confiar na palavra do Mestre.
Pedro pôde experimentar do grande poder de Jesus, e caminhou sobre o mar!
O mestre os mostrou que com barco ou sem barco, ele é Senhor de tudo e pode nos fazer andar com ele sobre as águas. Ele pode te fazer caminhar sobre as dificuldades e problemas que você tem enfrentado.
Mas você precisa sair do barco, precisa confiar na palavra de Jesus. E não olhe o vento. Não olhe as ondas. Veja somente Jesus.
Lembre-se de que mesmo que submerjas, as mãos do mestre te trarão à tona pra andar e caminhar com ele em segurança.